Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O sexo dos anjos

21
Nov17

Comissão Europeia anuncia plano para acabar com a disparidade salarial entre homens e mulheres

por Cila

igualdade-salarial.jpg

No passado dia 2 de Junho falei aqui http://osexodosanjos.blogs.sapo.pt/trabalhadoras-portuguesas-tem-mais-6316 da questão da desigualdade na retribuição salarial entre homens e mulheres,  no acesso a lugares mais destacados nas empresas e na progressão das carreiras. Este é um assunto que me toca profundamente desde o início da minha vida profissional uma vez que sempre me considerei descriminada em favor de colegas do sexo masculino, embora desempenhasse tão bem ou melhor as mesmas funções.

 

Escrever sobre estes assuntos incomoda muita gente, mas é necessário, e urgente, mudar esta realidade que afeta a maioria das mulheres deste país. Ainda que possa sentir, através de reações menos apropriadas e inconvenientes, que o incómodo é real e indicativo de que algo pode estar a mudar, vou continuar a manifestar-me a favor da mudança.

Eu sei que deve haver por aí muito boa gente “borradinha “ de medo que as mulheres possam tornar-se suas iguais, que comecem a disputar mano a mano os lugares que, acham eles, deveriam ser seus por direito. Porque no dia em que isso acontecer, serão vistos na sua triste realidade de incompetência e mediocridade. Daí o medo. Daí a sua única forma de reagir com ignorância e desrespeito.

Também sei que esses serão cada vez menos, porque estamos a criar uma sociedade onde todos os seres humanos deverão ser vistos como iguais, iguais de direitos e deveres. Começando por educar os nossos filhos para uma cidadania plena, aquela em que nos respeitamos independentemente de sexo, religião, politica ou clubismo.  

Aqueles que continuarão, como velhos do restelo, a assumir a sua superioridade, resta-me desejar-lhes que a vida lhes retribua em dobro tudo aquilo que desejarem ao vizinho. Não será pouco.

E para mostrar que vale a pena continuar lutar pela justiça e pela igualdade, aqui vai a deliberação da Comissão Europeia que anuncia um plano para acabar com a disparidade salarial entre homens e mulheres que será aplicado até 2019.

A Comissão Europeia anunciou recentemente um plano para acabar com a disparidade salarial entre homens e mulheres que será aplicado até 2019. Esta diferença entre vencimentos, que na Europa é de 16,3%, em Portugal está nos 17,8% e poderá tornar-se ainda maior quando se tiver em consideração que as mulheres recebem menos por hora e que as taxas de emprego feminino são mais baixas.

O novo plano da Comissão Europeia prevê o respeito pelo princípio da igualdade salarial e considera a possibilidade de vir a alterar a lei europeia sobre a igualdade de género, assim como uma redução do efeito penalizante dos cuidados familiares ao adotar a proposta de diretiva relativa à conciliação entre a vida profissional e a vida familiar de abril deste ano.

Vera Jourová, a comissária da Justiça, dos Consumidores e da Igualdade de Género que recentemente aderiu ao movimento #Metoo ao admitir que tinha sido vítima de assédio sexual no trabalho, explicou que "as mulheres continuam a estar sub-representadas nos cargos de chefia, tanto na política como nas empresas. As disparidades salariais entre homens e mulheres devem acabar porque a independência económica das mulheres é a sua melhor proteção contra a violência".

Vale ou não a pena?

 

 

 

 

 

Sobre Mim

foto do autor

Instagram

@lucdiogo

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D